oficina locação nova.jpg

“Quer dizer que eu posso escolher equilibrar luz ambiente com a luz do flash, ou simplesmente eliminar completamente a influência dela na foto? Mas que bruxaria é essa?” A resposta é mais simples do que parece, mas precisa de mais prática do que você imagina. Pensando nisso, essa oficina é pra quem se interessa por trabalhar com os flashinhos onde nada é planejado e tudo pode acontecer: locação. Nada do confortável ambiente controlado do estúdio, onde a gente pode brincar de “faça-se a luz”. Aqui a gente aprende a conviver com a luz disponível e usá-la a nosso favor. Seja com sol, chuva, ou dia nublado, a gente vai se virar com o que tem e fotografar bastante.

Tentaremos juntos responder às perguntas:

  • Como o ISO, abertura, distância e potência estão relacionados à luz do flash?
  • O que considerar antes de decidir quantos flashes, de qual direção e a que potência devo usar
  • Como a luz ambiente pode influenciar na minha foto?

Para responder essas e outras perguntas, vamos passar um dia descobrindo:

  • Como funciona o fotômetro da minha câmera
  • Aprendendo a ver antes de apertar o botão
  • Controle da luz ambiente (“Sério? Dá pra controlar?”)
  • Usando paredes, janelas e coberturas para moldar a luz ambiente
  • Aplicação prática do número guia
  • O que é a lei do inverso do quadrado da distância e por que devo me preocupar?
  • Mas, e a velocidade do obturador?
  • Usando o flash como luz principal
  • O que fazem os modificadores de luz (sombrinha, softbox, snoot etc)?
  • Mesmo usando a luz ambiente como principal, posso usar um flash?
  • O tal equilíbrio entre flash e ambiente

A Oficina foi cuidadosamente elaborada para que você saiba os porquês e tire suas próprias conclusões em cada situação por que passar, e não apenas siga receitas prontas.

Datas e locais das aulas serão postados na blog e na página do Facebook.

 

Twitter da Oficina

Links